quarta-feira, novembro 3

Nossa batata segue assando em fogo alto. Confira os principais pontos da nossa defesa contra a censura da Folha

Desculpe o post maior e menos bem-humorado do que o habitual, mas é importante. Como você sabe, fomos censurados pela Folha de S.Paulo. Além da liminar que tirou nosso site do ar sob ameaça de multa de R$ 1000 por dia, eles jogaram um processo de 88 páginas nas nossas costas, pedindo indenização por danos morais por conta de nosso ex-blog de paródia, o Falha de S.Paulo. A alegação? Uso indevido da marca (ã-hã). Abaixo, os principais pontos de nossa defesa, protocolada no Fórum João Mendes. E à direita, se quiser, você faz o download da íntegra do processo deles e da nossa resposta.

Resolvemos escancarar tudo por acreditarmos que qualquer pessoa de bom senso, ao analisar o caso com calma, chega rapidinho à conclusão de que essa história de uso indevido de marca é uma tremenda desculpa esfarrapada. Trata-se de uma censura das brabas, inaceitável. E atacar dessa forma brutal um pequeno blog independente está pegando mal. Ainda mais porque estamos falando do autoproclamado “Jornal do Futuro” (sic), que publica um editorial atrás do outro defendendo liberdade de imprensa. Se defender judicialmente tá dando um beeelo trabalho, mas vamos até o final. Até porque, se perdermos, vamos morrer com uma bolada que não temos para pagar a tal “indenização por danos morais” –o valor exato seria definido pelo juiz.

Na boa, não estamos conformados com essa barbaridade. Não achamos exagero dizer que o jornal está dando não só um tapa na nossa cara, mas na cara de todos os blogueiros do Brasil e de todos os que defendem a liberdade que a Folha tanto cobra. E, segundo os advogados que estamos ouvindo, não vai ser nada fácil ganhar a batalha na Justiça contra o gigante, e só o que podemos fazer agora é barulho. Se você também não concorda com isso, por favor nos ajude a denunciar essa palhaçada e a queimar o filme da Folha. Muito obrigado!

Bom, já falamos muito. Veja abaixo os principais pontos da nossa defesa, comentados (a íntegra tem 29 páginas. Se quiser ler tudo, é só fazer o download à direita).

A defesa começa relembrando os argumentos que a Folha usou

Temos que reafirmar o óbvio em vários momentos


Alguém manda um dicionário de presente pro jurídico da Folha, por favor

Novamente a reafirmação do que nos parecia óbvio

Esperamos sinceramente que continue assim

Nunca se sabe...

Para quem não conhece, vale o Google

Se o Lula fosse processar cada um que imita ele...

O óbvio again

Dá uma olhadinha onde ficam o "A" e o "O" no seu teclado

Pelo contrário. Estamos gastando dinheiro para nos defender da Folha

Por favor...

Enfim, se você concorda com a Folha, mil desculpas pelo tempo perdido. Mas se você também acha isso um absurdo, por gentileza nos ajude a divulgar essa agressão ao maior número possível de pessoas. Obrigado!